domingo, 8 de junho de 2008

Provai que o Senhor é Bom!


Salmos 34


O encantamento deste Salmo está na sua diversidade. Este contém conselhos e alertas. Escrito por Davi em um momento de angústias, em um momento em que Davi se encontrava fugindo do Rei Saul. Davi estava amargurado (desequilibrado) e este teve que se esconder na casa do inimigo (Abimeleque), na terra dos filisteus, e fora lá que Davi encontrou inspiração para escrever este Salmo.

As grandes bênçãos da nossa vida não são moldadas em época de prosperidade, tranqüilidade e saúde da alma; mas sim, em época de tribulações, lutas e muita dor. É quando, de repente, o que nos arruína começa a nos abençoar. As grandes bênçãos de Deus vêm nos momentos difíceis.

No meio disto tudo, Davi nos diz no Salmo 119: “Muitas são as aflições do justo.” A palavra aflição, representa uma dor profunda, grande sofrimento; e a palavra justo, alguém que se encontra sem culpa. Uma grande contradição nós encontramos aqui, muitos são os grandes sofrimentos de alguém que se encontra sem culpa. Por isso somos justificados e Deus nos vê sem culpa através de Jesus que cobriu todos os nossos pecados. De todas as aflições (são MUITAS, de várias maneiras) o Senhor nos livrou.

MUITAS aflições são conseqüência das nossas escolhas erradas, daquilo que nós semeamos: temperamentos, casamento, relacionamentos, atos e atitudes que podiam ser evitados e nós não nos policiamos. Tudo o que nós semearmos, colheremos. Muitos de nossos sofrimentos podem ser evitados ao controlarmos nossas atitudes e maneiras de agirmos.

MUITAS aflições são conseqüência de motivos naturais que nos atingem, tais como doenças. Paulo tinha uma doença incurável; orou, jejuou, mas Deus não o curou. Deus deixa agente debaixo de algumas coisas para que vivamos debaixo da graça dEle. É na nossa fraqueza que somos fortalecidos. A graça de Deus nos basta.

MUITAS aflições são pequenas brechas que deixamos e o leão que anda ao nosso redor ENTRA! Sejam essas brechas na área moral – deve se honrar compromissos no casamento, respeitar amizades e ter uma personalidade digna; como, na área financeira – deve ser tratada com respeito.

Um abismo não começa com 1000 metros de profundidade, mas com 1 centímetro. E um abismo chama o outro abismo, quando vemos podemos estar em um buraco grande e vivenciando uma grande aflição.

Mas como é bom saber que Deus nos livra de TODAS as nossas aflições (Salmo 34:6). Vejamos alguns exemplos de como Deus nos livra:

a. Deus nos livra de toda obra maligna: O Senhor nos livra de toda obra maligna mas precisamos fazer nossa parte, agir com prudência com as nossas finanças e relacionamentos.

b. Deus nos livra de todo mal: Devemos nos lembrar da oração do “Pai nosso” de que Deus nos livra de todo mal, mas que sejamos também sóbrios e vigilante, o inimigo nosso adversário anda ao nosso redor bramando com um leão procurando nos devorar.

c. Deus nos livra de calúnias: O Salmo 122 nos traz a memória que Deus nos livra de toda língua mentirosa. Quando alguém vem contra ti com fofocas, entrega a situação nas mãos de Deus que Ele entrega nas mãos dos verdugos (os vingadores de Deus).Deus é um Deus de vingança, a Ele toda justiça e não a nós mesmos.

d.Deus nos livra da Lei do Pecado e da Morte: Que coisa linda quando lemos Romanos 8:2 e descobrimos que o pecado não tem mais domínio sobre nós, pois o sangue de Jesus nos purificou de todo o pecado. Maior é aquele que está em nós do que aquele que está no mundo.

MUITAS são as aflições do justo, mas o Senhor nos diz hoje: “A minha graça te basta .”

(Montagem apartir do sermão pregado domingo pela manhã, 08/06/2008, na Igreja do Nazareno Central de Campinas pelo Pr. L. Aguiar Valvassoura, anotado por Lucas Tognolo)

(L. Aguiar Valvassoura, Pastor da Igreja do Nazareno Central de Campinas, SP, é preletor e conferencista em vários congressos e seminários nacionais e internacionais, bacharel em teologia pela Faculdade Teológica Nazarena de Campinas – Brasil, doutor Honoris Causa pela Universidade Nazarena de Point Loma – EUA, é criador do Colégio Jaime Kratz e da Associação Nazarena Assistencial que atende hoje cerca de 310 crianças e é Fundador do Ministério Mãos Estendidas.)