quarta-feira, 30 de julho de 2008

O Abraço de Deus


Texto Base: II Coríntios 12: 1-10

Paulo, apóstolo do Senhor Jesus, vivia um momento de intensa dificuldade com algo que o incomodava muito, chamado por ele de “espinho na carne”. Este espinho incomodava tanto a Paulo, que no verso oito, até lemos que por três vezes ele clamou a Deus para que o “espinho” fosse retirado. Por muitas vezes nós também passamos por dificuldades e pedimos a Deus que as arranque de nossas vidas, muitas vezes até questionando o porquê dEle não resolver (responder) nossas orações.

Para Paulo Deus respondeu do seguinte modo: “Minha graça é suficiente para você!”

Na vida cristã muitas das bênçãos que poderemos receber vem através da transformação e não da substituição!

Mas o que vem a ser a graça?

Teologicamente, de uma forma brutal, é a provisão de Deus para tudo o que precisamos e no tempo em que precisamos. Está ligada às riquezas de Deus para nós a custa de Cristo.

Tudo o que é dificuldade nós gostaríamos que Deus retirasse de nós. Mas e se Ele não remove nossas dificuldades? Se não é removível é porque precisa ser transformado.

A palavra graça no original representa eu e você debaixo de uma tenda (cobertura). O problema não foi tirado, mas a graça de Deus se faz presente – ela nos envolve, nos aquece, nos protege, nos guarda, não nos sufoca pela intranqüilidade do mundo externo.

O que será que é melhor então, meu amado? Passar pela vida com a graça de Deus ou não ter problemas algum e viver sem a graça?

É impossível viver sem a graça do Onipotente, Deus não tirou a dificuldade de Paulo, mas o abraçou com a graça.

Você pode traduzir a palavra dificuldade por: crise no teu casamento, crise financeira, problemas familiares, problemas no seu trabalho, na sua faculdade, enfim, tudo aquilo que te sufoca. Pensemos em nossas dificuldades com uma maçã caramelada - o espeto que segura a maçã seriam as dificuldades que nos prendem e maçã a nossa vida. Por cima da maçã (nós) é colocada uma enorme cobertura de caramelo (essa cobertura seria como a graça de Deus). Quando se coloca a deliciosa cobertura de caramelo na maçã, a cobertura passa a fazer parte da maçã – então passa a ser chamada de maçã do amor – e não a maçã parte do caramelo. Assim é Deus com nós meu amado, quando Ele derrama sua graça sobre nossas vidas, ela se torna parte de nós. Nossos medos se vão, nossas tristezas passam e assim como Paulo aprenderemos que é nas nossas fraquezas que Cristo nos faz forte. Aleluia!

Podemos extrair dois benefícios desse derramar da graça dEle sobre nós:

1º. Beneficio: Você e eu seremos transformados.

2º. Benefício: Você e eu viveremos então, a vitória pela qual estamos lutando.

Como resultado, poderemos exclamar: Ebenézer - Até aqui nos ajudou o Senhor!

(Montagem feita a partir do sermão pregado dia 28/07/2008, segunda-feira, pelo Pr. Alex Fonseca, na Igreja do Nazareno Central de Campinas, anotado por Lucas Tognolo)

(Alex B Fonseca formou-se pelo Seminário Teológico Nazareno - 1994, estudou em Point Loma Nazarene University - 96-99, especializando-se nas seguintes áreas: Língua Inglesa, Ministério com Adolescentes e Jovens, e Mestrado em Ministérios; atuou na Igreja do Nazareno de San Jacinto - CA – USA, como pastor voluntário junto ao Ministério de Juniores e Louvor; e como missionário responsável no Louvor, Evangelismo, Jovens e Missões, na Igreja do Nazareno em Tehachapi - CA – USA, 1998-2001, faz parte da Equipe Pastoral da Igreja do Nazareno Central em Campinas desde 2001)