segunda-feira, 7 de julho de 2008

Vá aonde tu não fostes ainda!


Texto Base: Lucas 5: 1-11

No cenário de Lucas 5, encontramos Jesus na beira-mar falando para uma multidão. No meio da multidão estava Pedro, pescador de uma linhagem de vários em sua família. Jesus então diz a Pedro: “Vá aonde tu não fostes ainda! O que será que Jesus queria dizer com isto?

Pedro vira-se para Jesus, no mínimo com olhar desconfiado, pois este havia pescado a noite inteira e nada havia obtido com seu trabalho. Pedro, profundo conhecedor da arte da pescaria, sabia exatamente onde e como pescar de forma a obter bons resultados; mas, nada tinha obtida até aquele momento. E Jesus, no verso quatro, diz a Pedro: “Vá para onde as águas são mais profundas! Lançai as redes!”

A atitude de Pedro foi de reconhecimento da autoridade de Cristo, conforme lemos, O chamou de MESTRE – aquele que ensina. Pedro coloca-se à disposição para obedecê-Lo mesmo antes de ter visto o milagre acontecer. Observe bem no verso cinco que Pedro e seus companheiros de pesca já haviam trabalhado a noite inteira e nada haviam pescado. Meu amado, o que é que você já fez de impossível ou possível e, ainda assim, não conseguiu o resultado que esperava?

Muitas vezes, você e eu, nos viramos para Cristo e dizemos: “Senhor, eu estou CANSADO! Já tentei de tudo, procurei todos os tipos de profissionais (médicos, psicólogos, pedagogos, pastores, amigos, parentes) para aconselhamento e nada funciona de acordo com aquilo que espero. Eu já tentei o impossível para resolver esta situação e nada melhorou.” Meu caro amigo, assim como a tua luta que enfrentas, Pedro também não tinha alcançado POSSIBILIDADES no mundo natural, MAS este foi OBEDIENTE. Ele vira-se a Cristo e diz: “De acordo a tua palavra, eu lançarei as redes ao mar.”

Hoje, eu quero crer que ao ir aonde Jesus quer me conduzir, mesmo não acreditando que eu vou conseguir remar contra a maré da vida, irei pegar tudo aquilo que Ele me diz e jogar em águas mais profundas e então, verei o milagre acontecer.

Será mesmo que você já fez de tudo em relação àquilo que te sufoca: trabalho, relacionamentos, estudos? O Senhor hoje te diz: “Eu sou o teu Deus, vá a águas mais profundas!” Não deixe que os teus problemas e dilemas sejam maiores que o tamanho do teu Deus, meu amado. Seja obediente ao que Jesus te diz e verá algo soberano acontecer em tua vida! Quando Deus te abençoar, Ele irá fazer de forma tão completa, que não somente a tua vida será transformada como a de teu próximo também – observe que quando a benção de Deus vem, o barco de Pedro começa a afundar de tantos peixes que foram pescados. Deus é bom para aqueles que O temem!

No verso oito, Pedro então exclama: Senhor! No original, significa: Senhor Supremo. Depois que Pedro tinha visto o milagre acontecer, ele percebe e identifica a supremacia dAquele que estava na sua frente. E conforme, lemos no verso onze, reconhecendo a Supremacia de Jesus, os pescadores largaram tudo e O seguiram.

Aonde você pode ir que ainda não foi? O texto nos diz que os pescadores ficaram ADMIRADOS – completamente perplexos, estupefatos e ao mesmo tempo com medo – sabiam que estavam diante de um Deus de milagres, o TODO-PODEROSO e INIGUALÁVEL.

Hoje, Deus também está te chamando para ir a águas mais profundas: missões, trabalho, relacionamentos ou qualquer área da tua vida; e então, verás o sobrenatural acontecer! Deus te abençoe!

(Esboço do sermão pregado dia 05/07/2008, sábado, na Igreja do Nazareno Central de Campinas pelo Pr. Alex Fonseca, anotado por Lucas Tognolo)

(Alex B Fonseca formou-se pelo Seminário Teológico Nazareno - 1994, estudou em Point Loma Nazarene University - 96-99, especializando-se nas seguintes áreas: Língua Inglesa, Ministério com Adolescentes e Jovens, e Mestrado em Ministérios; atuou na Igreja do Nazareno de San Jacinto - CA – USA, como pastor voluntário junto ao Ministério de Juniores e Louvor; e como missionário responsável no Louvor, Evangelismo, Jovens e Missões, na Igreja do Nazareno em Tehachapi - CA – USA, 1998-2001, faz parte da Equipe Pastoral da Igreja do Nazareno Central em Campinas desde 2001)